Noticias


Postado em September 22, 2017



Um dos grandes desafios do Governo é a transformação estrutural do sistema de produção

Existe um enorme desafio por parte do Executivo em potenciar os pequenos produtores de subsistência para médios e grandes produtores comercias, bem como o desenvolvimento da agro- indústria assente no aumento da produção e da produtividade. O programa Quinquenal do governo na sua prioridade nr 3, preconiza a implementação do programa nacional de mecanização Agraria (PNMA), que contribui com soluções práticas e dinâmicas atinentes a promoção do emprego, melhoria da produtividade e competitividade do sector agrário.
Constituem também objectivo do PNMA, contribuir para o aumento da renda dos pequenos produtores, através da provisão de serviços mecanizados e de desenvolvimento de cadeia de valor, bem como melhorar o nível e a qualidade de preparação dos solos e das operações subsequentes as lavouras. Moçambique identificou 15 cadeias de valor estratégicas, das quais seis prioritárias para dinamizar a competitividade no sector agrário, incrementar as exportações para garantir a segurança alimentar e nutricional.
Na lista dos produtos estratégicos e prioritários para exportação foram identificados seis, a destacar a banana, açúcar, castanha de caju, algodão, macadâmia, e paprica, enquanto para a revitalização foram eleitos o chá, café, copra, sisal e citrinos, como a laranja, tangerina, toranja e limão.
Nesta perspectiva e para dinamizar a produção no sector agro-pecuário, é recomendável a provisão da semente básica, de ciclo curto, cultura de tecidos, agricultura de conservação, uso de estufas, das tecnologias pós- colheita, produção de vacinas, inseminação artificial e produção de embriões.
Na componente assistência técnica aos produtores, existe a necessidade do aumento da cobertura, oferta e procura de serviços de apoio para incremento da produção, produtividade e apoio no acesso assistência técnica, tendo em consideração a utilização racional e sustentável dos meios e factores de produção.

Email Facebook Google LinkedIn Pinterest Twitter
Nenhum comentário no momento, seja o primeiro a comentar.